Romanelli critica Temer e defende Diretas Já

Vê conluio em possível eleição indireta

Aconteceu no final da tarde desta segunda-feira, dia cinco, no Plenarinho da Assembleia Legislativa do Paraná, a segunda reunião(foto) do movimento suprapartidário paranaense em prol das “Diretas Já”. O evento contou com a presença de representantes de entidades, sindicatos e movimentos sociais, discutiu ações para mostrar apoio a um movimento nacional com igual teor.O deputado Luiz Cláudio Romanelli(foto) participa.

Um manifesto já foi assinado na semana passada por dez parlamentares da AL favoráveis a uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que viabilize a escolha direta de presidente e vice-presidente da República ainda neste ano. Participaram da reunião desta segunda-feira também os deputados Rasca Rodrigues (PV); Luiz Cláudio Romanelli (PSB); Péricles de Mello (PT); e Professor Lemos (PT).

O parlamentar do Norte Pioneiro disse: “Quem acompanha minha trajetória política sabe que não sou homem de duas caras. Minha atuação é pautada pelas minhas convicções e pela minha consciência, e tendo sempre em vista o interesse público. Não faço discursos de ocasião, não tenho duas palavras nem compromisso com o erro.Tenho compromisso com a verdade e tenho palavra e uma história de lutas pelas liberdades individuais e de respeito ao estado democrático de direito”.

A eleição direta é a alternativa coerente para o país retornar a democracia e a estabilidade”

Mais à frente, lascou:”Desde o primeiro momento, fui contra o impeachment da presidente Dilma. Sempre afirmei que foi um golpe tramado e levado a cabo por um conluio de políticos corruptos com parte expressiva da mídia e com apoio de movimentos de direita que arregimentam legiões de analfabetos políticos na internet”.

Por mais que se explique, continua o líder do governo na AL, “a verdade é que Temer perdeu as condições morais, éticas e políticas mínimas de governabilidade.Meu partido, o PSB, já se manifestou favoravelmente ao pedido de impeachment de Temer e apoia a apresentação de uma Proposta de Emenda a Constituição para a realização de eleições diretas.A eleição direta é a alternativa coerente para o país retornar a democracia e a estabilidade”, assinalou.

Ele acredita que seria “um insulto” aos brasileiros substituir um presidente ilegítimo por outro sem legitimidade, escolhido pelo Congresso Nacional.”Como em 1984, está na hora do povo tomar as ruas e exigir a realização de eleições diretas para presidente, livres e democráticas. Do contrário, será mais um golpe”.

O Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil já decidiu por um pedido de impeachment contra o presidente Michel Temer.

Você terminou a leitura
Compartilhar essa notícia
Categorias e tags
Escrever um comentário

Últimas notícias

Inaugura moderna Clínica de Estética no centro platinense
3 horas atrás

Emagrecimento, celulite, gordura localizada, estrias, flacidez, tratamentos faciais e de retenção de líquidos Eleece é

Colégio Magnus lança a nova campanha de Rematrículas (vídeo)
3 horas atrás

Estabelecimento de ensino é referência no Norte Pioneiro O Colégio Magnus lançou oficialmente a sua

Sucesso total na Cavalgada da Efapi (vídeos)
7 horas atrás

Promovida neste domingo com grande participação   A edição 50ª da Efapi (Exposição-feira, Agropecuária e

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.