Jacarezinho terá ampliação de água e obra para contenção de cheia

Assinada ordem de serviço

O governador Beto Richa assinou nesta segunda-feira (10) ordem de serviço para ampliação da estação de abastecimento de água de Jacarezinho. Na solenidade, também foi autorizado convênio entre o Instituto Ambiental do Paraná (IAP) e a prefeitura de Jacarezinho para obras de contenção de cheias na cidade. “São medidas que contribuirão para elevar a saúde e melhorar a vida da população no município, que é um polo do Norte Pioneiro”, afirmou o governador.

A Sanepar vai investir R$ 2,5 milhões para adequação e ampliação que vão melhorar a eficiência da estação de tratamento de água que abastece a cidade. O prazo de execução é de um ano. Richa afirmou que seu governo tem feito investimentos consistentes em abastecimento de água e sistemas de esgoto. Ele citou o Litoral do Estado, que, graças à melhoria do saneamento, tem hoje as praias mais apropriadas para banho em todo o país.

TRINTA ANOS – O presidente da Sanepar, Mounir Chaowiche, destacou que a companhia está investindo mais R$ 3 milhões na operacionalização de um poço que vai aumentar em 25% a produção de água em Jacarezinho. O poço entra em funcionamento até o fim deste mês. “Estamos garantindo tranquilidade no abastecimento para os próximos 30 anos.

Na região do Norte Pioneiro, foram investidos mais de R$ 110 milhões nos últimos seis anos”, disse o presidente da Sanepar. Com 94% da população atendida com coleta e tratamento de esgoto, Jacarezinho é a sexta cidade do Paraná com melhor índice de saneamento.
RIBEIRÃO OURINHOS – O convênio entre o IAP e a prefeitura vai viabilizar a construção de um lago para regularização da vazão e contenção das enchentes no Ribeirão Ourinhos. O projeto visa a redução do volume de água escoante nos períodos de chuvas.
O prefeito de Jacarezinho, Sérgio Eduardo de Faria, disse que, na região Norte Pioneiro, algumas cidades sofrem com enchente. “Iremos fazer aqui o que será um modelo, o primeiro lago de contenção de água para evitar enchentes. O investimento dará início a um grande avanço para evitar esse problema, afirmou.
As obras impedirão o assoreamento do rio e, consequentemente, protegerão os mananciais, garantindo a qualidade dos recursos hídricos e ambientais para a população da cidade.
O IAP repassará R$ 532,1 mil, do Fundo Estadual do Meio Ambiente. A prefeitura aplicará R$ 88,1 mil como contrapartida.
O lago de contenção deverá funcionar como uma espécie de reservatório, que ajuda a controlar o escoamento da água da chuva para o Ribeirão. Ele será construído ao lado da rodoviária nova, no bairro Papagaios.
Está prevista uma lâmina d’água de 8.315 metros quadrados e um volume d’água de 13.404 metros cúbicos. Além do lago, o local ganhará futuramente obras de infraestrutura para o lazer da população, como passarelas, pistas de caminhadas e corrida.

Você terminou a leitura
Compartilhar essa notícia
Escrever um comentário

Últimas notícias

Motocicleta Honda é recuperada pela Rocam platinense
9 horas atrás

Em frente de um bar em Santo Antônio da Platina Durante patrulhamento, a ROCAM(Rondas Ostensivas

Missa de 7º dia de Marquinho Funileiro
11 horas atrás

Na igreja da Paróquia Santa Filomena Será celebrada neste domingo, dia 14, às 19h30m na

Sepultados corpos dos professores (vídeos)
11 horas atrás

Mortes de sete pessoas ligadas à educação do Norte Pioneiro é notícia de repercussão nacional

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.