Prefeito de Ibaiti faz esclarecimentos sobre campanha da pandemia

Detalha principalmente logística da vacinação na cidade   

A Prefeitura de Ibaiti emitiu uma nota prestando esclarecimentos sobre a campanha de vacinação contra a Covid-19 no município. A nota é assinada pelo prefeito Dr. Antonely Carvalho e o secretário de Sáude Leandro Moreira dos Reis.

Veja abaixo na íntegra:

Amigos e amigas de Ibaiti, como o assunto da vacinação contra a Covid-19 é do interesse de todos e de grande importância para toda a população, buscamos dividir com vocês neste texto, as informações sobre o plano de vacinação contra a Covid-19 no Paraná e consequentemente, aqui em Ibaiti.

Vale, em primeiro lugar, esclarecer que as decisões sobre aquisição e distribuição das vacinas são tomadas pelo Governo Federal e não pelos Municipios. Ou seja, Ibaiti não tem a autonomia para conseguir as vacinas por conta própria. Nós respeitamos os critérios e fluxos estabelecidos pelo Governo Federal e Estadual.

Dito isso, falamos com total transparência que a velocidade e organização do Estado do Paraná está muito boa pois temos acompanhado de perto a distribuição das vacinas pela Secretaria de Estado e Saúde do Paraná (S.E.S.A.).

 

 

Seguem abaixo algumas notas técnicas emitidas pelo Governo do Paraná para conhecimento de todos sobre a ordem e distribuição das vacinas:

1. A definição de grupos prioritários para receber as doses da vacina contra a Covid-19 seguiu critérios do Ministério da Saúde, tempo de contato (ou exposição) com os pacientes Covid-19 e pessoas com maior risco de complicações pela infecção causada pelo Sars-CoV-2. O anexo II do Plano Estadual de Vacinação conceitua Trabalhadores de Saúde aquele que ?desenvolve diferentes funções em ambientes diversos, e não exclusivamente na assistência ao usuário de serviços de saúde, foram adotados critérios relacionados à atividade desenvolvida e ao ambiente de trabalho. ?

2. Na primeira etapa da vacinação a população alvo a ser vacinada contra a Covid-19 é composta por:

I) Profissionais que aplicam as vacinas;

II) Pessoas com mais de 60 anos que residem em Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPI) e os profissionais que atuam nos locais (ex: asilos);

III) População indígena;

IV) Todos os trabalhadores que atuam em unidades de saúde que atendem pacientes com suspeita ou confirmados de infecção pelo novo coronavírus;

Na sequência o Estado planeja vacinar pessoas com 80 anos ou acima desta idade, pessoas entre 75 e 79 anos e assim sucessivamente até aqueles que tem idade variando entre 60 e 64 anos. O detalhamento, assim como a estimativa da quantidade de pessoas em cada grupo prioritário constam na página 4 do Plano Estadual de Vacinação contra Covid-19 da Secretaria de Estado e Saúde do Paraná.

3. Conforme anunciado pelo Ministério da Saúde, a quantidade de vacinas a serem destinadas ao Paraná é de 5% do total que o país tiver disponível. Com a quantidade de doses disponibilizadas, seguindo a ordenação por grupos prioritários, a previsão é vacinar o total de 4.019.115 pessoas até maio de 2021. A vacinação ocorrerá de acordo com o recebimento dos imunizantes, de forma gradual e escalonada.

Semanalmente emitiremos novas informações sobre o tema.

Fique atento aos canais da Prefeitura nas redes sociais para mais informações.

Atenciosamente.

Dr. Antonely Carvalho – Prefeito Municipal

Leandro Moreira dos Reis – Secretário Municipal de Saúde

Você terminou a leitura

Compartilhar essa notícia

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on print

Escrever um comentário

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.