Paraná terá urnas em hospitais e entidades para idosos em 2022

Parceria tem como objetivo a segurança sanitária durante as eleições deste ano

A Secretaria estadual da Saúde (Sesa) e o Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) assinaram um acordo de cooperação técnica para instalação de seções eleitorais em hospitais ou instituições de longa permanência para idosos. O acordo foi assinado pelo secretário da Saúde, Beto Preto, e o presidente do TRE-PR, desembargador Wellington Emanuel Coimbra de Moura.

A parceria tem como objetivo o funcionamento de seções eleitorais em locais que atendem pessoas com mobilidade reduzida, como hospitais ou instituições para idosos, garantindo a segurança sanitária durante as eleições deste ano. “A iniciativa do TRE é fantástica, já que possibilita o voto para pessoas que estão hospitalizadas há muito tempo, idosos com restrição de mobilidade e de instituições de longa permanência. A proposta foi prontamente atendida por hospitais”, disse Beto Preto.

Inicialmente, a ação será implantada em dois grandes hospitais de Curitiba – no Hospital Erasto Gaertner e no Complexo do Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná – e duas instituições de idosos, de Londrina e Maringá. Para votar nesses locais o título de eleitor deverá ser transferido até o dia 4 de maio.

Apesar do voto ser opcional para pessoas acima de 70 anos, a iniciativa pretende levar, principalmente até os idosos, a possibilidade da opção em votar ou não e desta forma legitimar o voto.

De acordo com o desembargador, o acordo tem como principal objetivo resgatar a dignidade cívica de uma parcela importante e experiente da sociedade. “Esta ação visa facilitar e promover o exercício da cidadania, cumprindo assim as diretrizes previstas no Estatuto do Idoso, e que estão alinhadas ao programa de fortalecimento institucional do Tribunal Superior Eleitoral”, ressaltou Wellington Emanuel Coimbra de Moura.

PARTICIPAÇÃO – Participaram do ato da assinatura Luciani Tesseroli Maaronezi, coordenadora-geral do Projeto Cidadania Plena do TRE-PR; Adriano Rocha Lago, diretor Hospital Erasto Gaertner; Claudete Regiani, diretora Complexo do Hospital de Clínicas da Universidade Federal do Paraná; Luiz Guilherme Feltrin, da Secretaria da Justiça, Família e Trabalho; e o chefe de gabinete da Secretaria da Saúde, César Neves.

Você terminou a leitura
Compartilhar essa notícia
Escrever um comentário

Últimas notícias

JEPs: Novas etapas em Wenceslau Braz e Pinhal começam hoje
5 horas atrás

Competições reúnem 17.751 inscritos, entre alunos e professores, de 183 municípios paranaenses Começa nesta quinta-feira

PRE e SEST/SENAT fazem Bliz Educativa
6 horas atrás

Ação da PRE e do SEST/SENAT Nesta quarta-feira, dia 25, a Unidade Operacional da PRE

Liminar reaviva a polêmica sobre o presídio em Pinhal
7 horas atrás

Decisão provisória do TJ suspendeu possível obra A polêmica prossegue. Agora, o Tribunal de Justiça

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.