Assembleia aprova Bancada Feminina

Matéria garante participação das mulheres na composição da Mesa

A Assembleia Legislativa do Paraná aprovou na sessão plenária desta segunda-feira (1º) o projeto de resolução 5/2022, que altera os artigos do Regimento Interno da Casa e cria a Bancada Feminina no Legislativo paranaense. O objetivo da proposta, que tramita na forma de um substitutivo geral da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), é garantir a participação das mulheres na composição da Mesa Diretora da Assembleia, além de criar uma bancada composta por todas as parlamentares do Legislativo. O projeto, que avançou em primeira discussão, obteve 43 votos favoráveis e um contrário.

Com a criação da Bancada Feminina, a Assembleia Legislativa visa ampliar a participação e dar voz às mulheres no parlamento estadual. Para isso, a proposição garante que a líder da Bancada Feminina exercerá as mesmas prerrogativas que o Regimento Interno assegura aos líderes de partido ou bloco parlamentar.

A justificativa da proposta lembra que a única regra da eleição para a composição da Mesa é a proporcionalidade partidária. Portanto, a aprovação da iniciativa visa garantir na composição da Mesa Executiva a representatividade feminina e a representação proporcional dos partidos ou blocos parlamentares formados.

 

Você terminou a leitura
Compartilhar essa notícia
Categorias e tags
Escrever um comentário

Últimas notícias

Motocicleta Honda é recuperada pela Rocam platinense
8 horas atrás

Em frente de um bar em Santo Antônio da Platina Durante patrulhamento, a ROCAM(Rondas Ostensivas

Missa de 7º dia de Marquinho Funileiro
10 horas atrás

Na igreja da Paróquia Santa Filomena Será celebrada neste domingo, dia 14, às 19h30m na

Sepultados corpos dos professores (vídeos)
10 horas atrás

Mortes de sete pessoas ligadas à educação do Norte Pioneiro é notícia de repercussão nacional

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.