Pedágio:Relator nega recurso da concessionária

Desde que assumiu seu mandato, o deputado Federal Capitão Augusto trava uma batalha contra o Pedágio ilegal instalado entre a cidade de Ourinhos(SP) e o Norte Pioneiro,por Jacarezinho._x000D_
O parlamentar subiu várias vezes na tribuna da Câmara para denunciar o descaso das autoridades com a questão,além de reuniões com o Ministro dos Transportes Antônio Carlos Rodrigues, com o Presidente do STF(Supremo Tribunal Federal) Ricardo Lewandowski, e também com o Ministro do STJ(Supremo Tribunal de Justiça) Mauro Campbell. Também denunciou em toda a mídia nacional, através de sites, rádios, jornais e televisão “essa aberração sem precedentes”._x000D_
Após o pedágio ter sido considerado ilegal em decisões de 1ª e 2ª instâncias, o relator da ação, ministro Mauro Campbell, proferiu sua decisão confirmando a ilegalidade dessa praça de pedágio também em 3ª instância. Baseado nessa decisão, o deputado tenta unir esforços na luta para a derrubada da liminar que garante a cobrança do pedágio até o trânsito em julgado da ação._x000D_
_x000D_
Em coletiva de imprensa realizada nesta sexta-feira (18), Capitão Augusto informou a todos que o relator da ação negou o recurso impetrado pela Concessionária Triunfo, antiga Econorte. “Esta decisão auxilia em dois sentidos: no embasamento de ações individuais que isentem a cobrança do pedágio e também como um grande argumento para que o Presidente Lewandowski derrube a liminar existente”, ressaltou o parlamentar._x000D_
Essa decisão reforça a justificativa para que qualquer pessoa física ou jurídica (micro ou pequena empresa) domiciliada na circunscrição de Ourinhos possa ingressar na Justiça Federal de Ourinhos com ação individual para solicitar isenção da cobrança da tarifa._x000D_
“A partir de agora, praticamente pagará pedágio somente quem quiser. Tenho confiança na atuação da Justiça Federal, e de que serão isentados da cobrança da tarifa todos aqueles que ingressarem com a ação, pois, com esta decisão temos argumentos suficientes para isso. Convidamos toda a população de Ourinhos e região, como também as pequenas e micro empresas, para que ingressem na Justiça Federal contra a Concessionária Triunfo solicitando a isenção da cobrança do pedágio”, finalizou._x000D_
_x000D_
 _x000D_
_x000D_
PEDÁGIO-ILEGAL pedagxcus

Você terminou a leitura

Compartilhar essa notícia

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on print

Categorias e tags

Escrever um comentário

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.