Preso homem que matou pai em Cambará

Foi preso em torno das 16h45m deste domingo,dia 27,João Carlos Neto(foto principal) naquela cidade paulista.

As autoridade ourinhenses prenderam um suspeito, porém só confirmaram a identidade através da imagem no portal npdiario.

Um revólver e a arma do crime foram jogadas nas águas do rio Paranapanema, conforme confessou o homicida.

O crime aconteceu por volta das 23 horas do sábado numa casa da rua São Cristóvão, no bairro São José 2. Neto, de 43 anos,estava embriagado quando chegou ao local,onde morava com o pai,o aposentado José Augusto Neto, 75, que assistia televisão sentado num sofá.
O filho foi no quarto, se armou com uma espingarda e disparou um tiro no peito do idoso, que perdeu a vida na hora.

Em seguida, fugiu e foi localizada já no município paulista.Ele foi recambiado para Cambará neste domingo mesmo, onde aguardará julgamento. Foi autuado em flagrante por homicídio qualificado pelo Delegado Isaías Fernandes.

No seu depoimento inicial afirmou: “Só coloquei o cano da arma para fora da porta do quarto e atirei, era só para dar um susto nele”. E acrescentou  estar arrependido.

Agora espera a visita de um advogado para dar assistência jurídica.O crime é chamado de parricídio ou patricídio.

PM ourinhos

PM ourinhos34

Você terminou a leitura
Compartilhar essa notícia
Categorias e tags
Escrever um comentário

Últimas notícias

Caminhão tomba em rodovia de Wenceslau Braz
8 minutos atrás

PRE Siqueira Campos atendeu a ocorrência Neste domingo (03), por volta das três, ocorreu acidente

Mantida prisão de réu que filmou crianças em situações eróticas
13 horas atrás

Imagens de conteúdo erótico com menores caracteriza estupro Em julgamento de recurso da defesa, o

Jacarezinho 22 e Santo Antônio 17
13 horas atrás

As duas cidades juntas têm 125 pacientes infectados O boletim epidemiológico de Jacarezinho desta segunda-feira, dia

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.