Polícia Militar intensifica policiamento no litoral

A Polícia Militar do Paraná montou um esquema especial de segurança para garantir a tranquilidade dos veranistas e moradores do Litoral no réveillon, nas praias paranaenses.E nos primeiros dias de 2016.
As ações incluem diferentes modalidades de policiamento e bloqueios parciais e totais de ruas. No último dia do ano serão intensificados a fiscalização de estacionamento em local proibido e o policiamento a pé e com motocicletas. A PM estima que aproximadamente 1,5 milhão de pessoas passem a virada de ano nas praias do Estado.
“Nesta virada, o diferencial será o policiamento a pé e com motocicletas devido à dinâmica e à grande concentração de pessoas. Se houver ocorrências é mais fácil e rápido circular de moto ou a pé, destaca o comandante da PM do Verão Paraná 2015/2016 no Litoral, tenente-coronel Nivaldo Marcelos da Silva. Em todas as regiões onde haverá concentração de pessoas devido aos shows pirotécnicos haverá reforço no policiamento, alguns com início às 6h do dia 31.
Além do patrulhamento regular haverá policiamento com motocicletas, por meio do Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran) e do Giro (Grupo de Intervenção Rápida Ostensiva), do Batalhão de Operações Especiais (Bope), do Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéras (BPMOA) e do Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA), além do Serviço Reservado.
“Estamos preparados para atender os turistas e para proteger a comunidade local com uma tropa especializada e treinada para as mais diversas atividades operacionais como fiscalização de trânsito, abordagens, prevenção, policiamento comunitário, orientações, patrulhamentos aéreos, salvamentos e buscas, garante o tenente-coronel Nivaldo Marcelos, comandante do 9º Batalhão de Polícia Militar.
As pessoas que chegam ao Litoral encontram nas estradas estaduais policiais do Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv) que fazem fiscalizações com radares fotográficos e bafômetros, além de orientarem os motoristas em relação às questões de segurança do veículo e das pessoas que o utilizam.
A PM também está de olho nos oportunistas que tentam roubar objetos deixados nos carros, os veículos ou furtar residências. Na areia, além do sol e do mar, os pais encontram guarda-vidas que estão alertas – são 88 postos. Há ainda a distribuição de pulseirinhas para as crianças, nas quais são colocados o nome dos pequenos e o telefone de um responsável.
Para apoiar as equipes, o Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas (BPMOA) – antigo Grupamento Aero-Policial Resgate (Graer) – atua com um helicóptero utilizado para ações desde a fiscalização e o patrulhamento aéreo até o resgate de vítimas de trânsito e afogamento. Neste ano, a ênfase é para o policiamento aéreo preventivo.

Você terminou a leitura

Compartilhar essa notícia

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on print

Categorias e tags

Escrever um comentário

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.