Tetê deve sair do hospital no máximo em três dias

Ele é incapaz de cometer maldades

Gerverson Aparecido de Souza(fotos), de 52 anos, foi agredido por dois criminosos na noite deste domingo, dia dois,na rua Dom Pedro II, proximidades do Supermercado Serve Bem, na rua Dom Pedro II, em Santo Antônio da Platina.Ele é especial, bastante conhecido e querido na cidade, e está no Hospital Nossa Senhora da Saúde, se recuperando e aguardando o resultado da tomografia.
Segundo familiares,a vítima, que trabalha entregando panfletos comerciais na cidade, estava se dirigindo até sua casa, onde mora com os pais, depois de participar da celebração de missa.

Fraturou a clavícula e o nariz, mas não há risco de morte.Uma testemunha viu os indivíduos arrastando Gerverson pela rua.
Os dois elementos o atacaram puxando as roupas e bolsos atrás de dinheiro, mas Tetê, como é chamado, não anda com valores e nem usa joias ou quaisquer objetos.
A ação durou pouco tempo, suficiente para machucá-lo em todas as partes do corpo.
Foi aberto inquérito para apurar responsabilidades e identificar os autores das agressões covardes.

A previsão, segundo Joelma Gomes, irmã de Tetê, é que ele permaneça até três dias em observação.

Você terminou a leitura

Compartilhar essa notícia

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on print

Escrever um comentário

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.