Dois jovens matam índio e depois se entregam

Dois jovens mataram um indígena da Aldeia laranjinha e se entregaram na madrugada desta sexta-feira,dia quatro,no destacamento da PM,em Santa Amélia.

Os soldados João e Martins foram procurados pela dupla, Dione Maycon Alves da Sila, 19 anos(camisa preta), e Amauri Moraes Bueno Junior, 18 (camisa listrada) em torno das 5h30m e confessaram ter tirado a vida de Pedro Lourenço por volta da 1h30m.Fizeram uma tocaia e quando passou, o empurraram num barranco e o assassinaram.
O corpo de “Chegado”,como era conhecido,jazia numa plantação de soja perto da Vila Galdino na estrada do cemitério.
Eles disseram que cometeram o homicídio com pedras e facas porque a vítima abusava sexualmente da mãe do mais novo e também de Dione já há tempo
O corpo foi levado pelo Instituto Médico Legal de Jacarezinho e a dupla está à disposição da Justiça.

indio2 - Cópia indio - Cópia indio3 - Cópia

Você terminou a leitura

Compartilhar essa notícia

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on print

Categorias e tags

Escrever um comentário

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.