Polícia Civil prende cinco mas superlotação de cadeia de Tomazina preocupa

Agentes têm que “cuidar” dos detentos

Nos últimos dias, agentes da Polícia Civil de Tomazina cumpriram mandados expedidos pelo Poder Judiciário e prenderam cinco pessoas.
Foram presas três pessoas em Pinhalão, sendo um elemento conhecido e que estava descumprindo determinações impostas da monitoração da tornozeleira eletrônica, outro por descumprimento de medidas do Juízo de Tomazina e um terceiro por falta de pagamento de pensão alimentícia.
Já na cidade de Tomazina foi preso um idoso de 76 anos no Bairro Rural do Sapé, em razão de medida judicial de regressão de regime de execução de pena e também um homem de 44 anos detido na zona urbana por ter se aproximado e ameaçado, por duas vezes,a ex-mulher.Ele já havia sido notificado judicialmente a não se aproximar a menos de 100 metros da ex-companheira.


A cadeia pública de Tomazina abriga atualmente 32 detentos, quando sua maior média histórica sempre foi na casa de 20 encarcerados em regime fechado.
Uma solicitação de verba ao Juiz de Direito da Comarca está em vias de ser atendida e, por meios de recursos do Conselho da Comunidade, serão realizadas adequações para melhorias na carceragem da delegacia que abrigam ilegalmente presos que deveriam estar encarcerados em Penitenciárias.A situação ocorre há mais de 20 anos em outros Estados da Federação, como São Paulo, por exemplo.
Os poucos agentes da Polícia Civil ficam desviados de suas funções,cuidando de presos, inclusive por meio de remoções a audiências e médicos, quando deveriam estar investigando crimes que ficam sem poder serem solucionados.
Segundo o delegado Izaías Machado, até o final deste mês, a Polícia Civil tomazinense cumprirá pelo menos outros dois mandados de Busca e Apreensao, que poderão resultar na prisão de mais criminosos.

Você terminou a leitura, navegue pelas nossas notícias a seguir

Categorias e tags

Compartilhar essa notícia

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print
Share on email
Share on whatsapp

Siga-nos

Escrever um comentário

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.