Beto defende liberdade de Imprensa

O governador Beto Richa participou nesta sexta-feira (29) da posse das novas diretorias da Associação das Emissoras de Radiodifusão do Paraná (Aerp) e do Sindicato das Emissoras de Rádio e Televisão do Paraná (Sert/PR). Richa reforçou o compromisso de apoio ao setor e à liberdade de imprensa. “Acreditamos e defendemos a imprensa livre e repudiamos qualquer tentativa de controle da mídia”, disse ele, ao ressaltar o caráter democrático do rádio. “Trata-se de um veículo de comunicação que entra em todos os lares, dos mais abastados aos mais humildes, prestando um importante serviço, que é o de levar informação de maneira isenta.”
À frente da Aerp na gestão 2016/2017 estará o diretor do Grupo Maringá de Comunicação, Alexandre Barros. Já no Sert/PR, o atual presidente Caíque Agustini, diretor do Grupo Verde Vale de Comunicação, foi reeleito para os próximos três anos.
Richa também enfatizou o apoio ao setor. “Renovamos o compromisso de fortalecimento das entidades, por meio de convênio com a Copel e a Fomento Paraná, para que as empresas possam investir em novas tecnologias e melhorias de serviços”, disse.
A vice-governadora Cida Borguetti lembrou da parceria com a Aerp na divulgação de mensagens de combate à violência contra a mulher e solicitou apoio na divulgação de mensagens informativas sobre dengue, zika vírus e leishmaniose. “Precisamos deste foco na saúde pública para proteger a população destas doenças, em especial as grávidas e as crianças”, afirmou ela.
Durante o discurso, o governador Beto Richa lembrou que 2015 foi um ano difícil, em que teve que colocar em prática medidas impopulares para colocar as contas do Paraná em dia.
“Coloquei em risco meu patrimônio político para garantir um futuro melhor para os paranaenses e amenizar os efeitos dessa grave, profunda e aguda crise”, afirmou ao ressaltar que hoje o Paraná tem uma posição privilegiada em relação aos demais Estados. “Temos a melhor situação fiscal e financeira do País, vamos colocar em prática R$ 8 bilhões em investimentos em 2016, mais do que os quatro anos do meu governo anterior”, lembrou.
Ele também ressaltou que o Paraná ganhou peso ao se tornar a quarta maior economia do País e ser eleito do segundo Estado mais competitivo pelo grupo que edita a revista The Economist. “Em 2010 éramos o quinto Estado mais competitivo, subimos para terceiro em 2013 e em 2015 ficamos atrás apenas de São Paulo”, disse.
De acordo com o novo presidente da Aerp, Alexandre Barros, a eleição marca o início de uma nova etapa, mas em continuidade à trajetória de inovação e assertividade aberta pela entidade nos últimos anos.
Um dos grandes desafios da gestão será abrir caminho para a digitalização, assim como ocorreu com a TV aberta. “Queremos trazer o rádio, de forma gratuita, para os celulares”, disse Barros. Outro projeto é a migração de 150 emissoras de AM para FM.
Caíque Agustini, do Sert, disse que o principal desafio será encontrar formas para contornar a crise econômica brasileira e crescer. “Teremos que encontrar soluções criativas, mas acreditamos que o setor possa crescer muito”, afirmou Agustini.
Fundada em 1975, a Aerp reúne hoje mais de 350 emissoras de rádio e TV no Estado. Márcio Villela deixa a presidência da associação após duas gestões (2012/2014 e 2014/2016). A partir deste ano, ele será diretor Institucional da Aerp.
“Nesses quatro anos implementamos projetos inovadores, que se tornaram referência nacional. Ampliamos o ensino a distância e programas de capacitação para fortalecer o segmento”, afirmou. No evento, Villela anunciou a criação da primeira pós-graduação do Brasil em gestão de radiodifusão em parceria com a Uninter.
Participaram do evento o presidente do Tribunal de Contas do Paraná, Ivan Bonilha; o secretário de Estado de Planejamento e Coordenação Geral, Silvio Barros; o diretor do BRDE Orlando Pessutti; o diretor presidente da Fomento Paraná, Juraci Barbosa Sobrinho; o presidente da Copel, Luiz Fernando Vianna; a deputada estadual Maria Vitória; e representantes de entidades

Você terminou a leitura

Compartilhar essa notícia

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on print

Categorias e tags

Escrever um comentário

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.