Assembleia Legislativa nas cores do arco-íris

 Para lembrar o Dia do Orgulho LGBTQIA+

 

A Assembleia Legislativa do Paraná ficou com a iluminação nas cores do arco-íris nesta segunda-feira (28), data em que é celebrado o Dia do Orgulho LGBTQIA+, em respeito à diversidade.

A ação foi proposta pelo primeiro secretário da Assembleia, deputado Luiz Cláudio Romanelli (PSB), e pelo deputado Goura (PDT).

“Estamos nos juntando a esta pauta para reafirmar que o combate à homofobia e outras formas de preconceito deve ter respaldo do Legislativo. Certamente a sociedade paranaense e brasileira avançaram muito, mas ainda temos casos de preconceito que precisam ser combatidos e os direitos respeitados. Essa iluminação é uma forma simbólica de dizer que a luta por igualdade, respeito e justiça tem apoio da Assembleia Legislativa do Paraná”, disse Romanelli.

O deputado Goura agradeceu ao apoio da Comissão Executiva da Assembleia por realizar esse ato simbólico que pede o respeito e o fim da violência contra os cidadãos e cidadãs LGBTQIA+. “Ato para reafirmar o compromisso do nosso mandato na busca por uma sociedade em que o preconceito seja superado e que todos possam ter a liberdade. Que não se baseie na coragem, mas nos direitos adquiridos a se assumirem conforme sua identidade de gênero e suas vontades. Uma luta importante que deve unir todos nós na defesa da civilização contra a barbárie. Agradecemos a sensibilidade do deputado Romanelli e da Comissão Executiva por esse ato simbólico que a Assembleia encampou de iluminar no dia de hoje as dependências”, disse lembrando também que o Brasil é um dos países que mais mata LGBTQIA+.

“O Brasil tem índices assustadores, vergonhosos de violência contra cidadãos e cidadãos LGBTQIA+. Precisamos desse enfretamento constante, não apenas no dia de hoje, mas exigir um esforço da nossa geração, de todas as gerações que aqui estão agora para que nos próximos anos tenhamos uma sociedade na qual a gente possa se orgulhar, onde os índices de violência diminuam sensivelmente”, finalizou.

Origem do Dia – O Dia do Orgulho LGBTQIA+ foi criado e é celebrado em 28 de junho em homenagem a um dos episódios mais marcantes na luta da comunidade gay pelos seus direitos: a Rebelião de Stonewall Inn. Em 1969, essa data marcou a revolta da comunidade LBGT contra uma série de invasões da polícia de Nova York aos bares que eram frequentados por homossexuais, que eram presos e sofriam represálias por parte das autoridades.

A partir deste acontecimento foram organizados vários protestos em favor dos direitos dos homossexuais por várias cidades norte-americanas. A 1ª Parada do Orgulho Gay foi organizada no ano seguinte (1970), para lembrar e fortalecer o movimento de luta contra o preconceito. A Revolta de Stonewall Inn é tida como o “marco zero” do movimento de igualdade civil dos homossexuais no século XX.

Você terminou a leitura

Compartilhar essa notícia

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on print

Escrever um comentário

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.