Ação política quer evitar funcionamento de Centro de Desenvolvimento e Tecnologia

Cidade pode ficar sem os cursos profissionalizantes já previstos

 

 

 

 

 

Os advogados Jéfoni Nogari e André Luiz Maiorky (filho do ex-prefeito Flávio e meio-irmão do atual vereador Flavinho Maiorky) entraram na Justiça com uma Ação Popular e pedido liminar (juridicamente quer dizer “provisório”) para  suspender nomeações de um servidor para o cargo de secretário municipal de Gestão e uma comissionada como diretora municipal de Ensino Profissionalizante, em Santo Antônio da Platina. Na tarde desta sexta-feira, dia cinco, o npdiario teve acesso à decisão, acatada – pelo menos por enquanto – pela juíza Heloísa Helena Avi Ramos.

Para os dois proponentes o prefeito Professor Zezão (Podemos) teria cometido ilegalidade, pois supostamente não poderiam ser nomeados neste ano por conta  da pandemia. Jéfoni Nogari é um jovem advogado, que tem tratado ativamente também da questão do pedágio e apoiou ostensivamente a candidatura de Terezinha Maiorky no ano passado.

É um direito dos causídicos, principalmente de André (fotos acima durante visita ao npdiario e fazendo campanha eleitoral em 2020 ) agirem como quiserem numa Democracia, dentro dos limites da legislação.

Os dois trabalhadores atingidos foram procurados pela reportagem, mas, desconfortáveis,  ambos disseram não saber de nada, pois não foram oficialmente notificados e nem tinham acesso ao documento, reproduzido abaixo no final da reportagem.

O prefeito e o advogado do executivo também desconheciam o fato.

Zezão preferiu não comentar muito, apenas lembrou que “a explicação é que o município precisa começar a formar os acordos para funcionamento efetivo do Centro de Desenvolvimento, Tecnologia e Inovação  com os cursos profissionalizantes, incubadoras de empresas, pois semana que vem voltarão as aulas… Temos que iniciar inclusive os cursos da UENP (Universidade Estadual do Norte do Paraná)”.

Já dr. Mateus Pelizzari declarou ter 20 dias de prazo para os envolvidos apresentarem as respostas formalmente à iniciativa, “mas a indicação de uma diretora seria importantíssima para a abertura de cursos técnicos no Centro de Inovação Tecnológica vistas as tratativas que vêm sendo realizadas desde 2020 com a UENP e que tinha como planejamento acontecer neste primeiro semestre de 2021; inclusive, o governador Carlos Massa Ratinho Junior estabeleceu decreto que as aulas no momento híbrido poderão começar semana que vem. Lamentável que algumas pessoas não entendam a essência das duas nomeações, pois seriam meras reposições de cargos anteriormente ocupados”, argumentou, finalizando informando que “desde o início da pandemia a prefeitura não aumentou e sim reduziu muito os gastos públicos”.

A oposição é liderada pelo deputado Pedro Deboni Lupion(DEM). Na semana passada, ele posou para fotos  abraçado com o chefe do executivo platinense. Não antecipou nada sobre a Ação Popular que já tinha conhecimento.

Veja aqui também a inauguração do Centro de Tecnologia: https://npdiario.com/educacao/inaugurado-centro-de-desenvolvimento-tecnologia-e-inovacao/

 

 

Você terminou a leitura, navegue pelas nossas notícias a seguir

Categorias e tags

Compartilhar essa notícia

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print
Share on email
Share on whatsapp

Siga-nos

Escrever um comentário

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.