Viajar de avião de Cornélio Procópio para Curitiba custa R$ 627, 73

Três voos semanais de ida e volta

Cornélio Procópio agora está a apenas 1h45m de Curitiba – a viagem de carro dura mais de 5 horas. Nesta quarta-feira (23), o município recebeu o primeiro voo comercial desde 1970, parte do programa Voe Paraná, idealizado pelo Governo de Carlos Massa Ratinho Junior em parceria com a Gol. Serão três voos semanais de ida e volta, às segundas, quartas e sextas, com escala em Telêmaco Borba.

O Voe Paraná reconectou 12 cidades do Interior a Curitiba. É o maior programa de aviação regional da Gol no País. Serão 67 voos semanais neste primeiro momento, com possibilidade de aumentar o fluxo em função da demanda e do ingresso de Apucarana e Guarapuava na lista.

O aeroporto Francisco Lacerda Júnior (fotos) já era bastante utilizado pelo Estado para o sistema de transporte aéreo de órgãos para transplantes, atendendo todos os municípios da região Norte, e passou por pequenas reformas para receber as aeronaves da TwoFlex (empresa de táxi-aéreo que opera em parceria com a Gol). A partir do ano que vem o espaço deve receber balizamento noturno para ampliar o seu potencial.

Todos os bilhetes são comercializados exclusivamente pela GOL, e estão disponíveis para compra no aplicativo, site (www.voegol.com.br), lojas VoeGOL e em agências de viagem.

O prefeito de Cornélio Procópio, Amin José Hannouche, disse que a inclusão da cidade no programa possibilita agilizar as viagens que antes só eram possíveis por Londrina. “Estávamos a cerca de 60 quilômetros do aeroporto com voos para Curitiba. É um trecho de cerca de uma hora, mais o tempo de antecedência para embarque e o tempo de voo. Agora podemos embarcar dentro de Cornélio Procópio, chegar em Curitiba e fazer escala para qualquer lugar do País e do mundo”, comentou.

Estamos começando a enxergar outra realidade para que a cidade e região mudem o foco, devagar e firmemente, e passe a agregar valor na produção do campo, até para melhorar a renda da população

Segundo João Ataliba de Resende Júnior, presidente da Sociedade Rural de Cornélio Procópio, os produtores locais esperam que a novidade passe a vigorar na cidade. “Pode ter um começo tímido, mas é algo que veio para ficar. Cornélio Procópio precisava de uma ligação rápida com Curitiba. Os empresários começam a enxergar a cidade com outros olhos a partir disso”, afirmou. “Vamos inclusive lutar nos próximos anos para que a pista possa ser adequada também para o transporte de carga, que hoje é feito por Londrina”.

AGRONEGÓCIO Cornélio Procópio é uma cidade com vocação para o agronegócio primário (milho, soja e trigo), além da pecuária e da avicultura. Segundo o presidente da Sociedade Rural, o programa Voe Paraná pode ajudar a impulsionar um movimento de agregação de valor da produção. “Estamos começando a enxergar outra realidade para que a cidade e região mudem o foco, devagar e firmemente, e passe a agregar valor na produção do campo, até para melhorar a renda da população. É um anseio que pode ser acelerado a partir de agora”, complementou.

TURISMO – A cidade também poderá atrair mais turistas. Cornélio Procópio é um importante centro estudantil, agropecuário, comercial e industrial. Um dos principais pontos turísticos é o Monumento Cristo Rei, construído em 1958 e a maior estátua sacra de bronze da América Latina, com quase 24 metros de altura.

Paraná tem a maior malha aérea regional da Gol do País

O programa Voe Paraná foi estruturado para incentivar a aviação regional no Estado. A Gol e a empresa de táxi-aéreo TwoFlex oferecem ligação aérea partindo e chegando a doze municípios que têm entre 32 mil e 155 mil habitantes. Foram contemplados Paranaguá, Arapongas, Campo Mourão, Francisco Beltrão, Paranavaí, Cianorte, Telêmaco Borba, Cornélio Procópio, União da Vitória, Apucarana, Guarapuava e Guaíra.

O programa opera com aeronaves Cessna Grand Caravan, com até 12 lugares (nove passageiros e três tripulantes). Nesta semana começaram a funcionar 67 voos semanais para dez cidades, mas até dezembro Apucarana e Guarapuava também ganharão voos semanais. Viajar de Cornélio para a capital de todos os paranaenses custa a partir de R$ 627, 73 só de ida.

A Gol oferta 14 mil assentos por dia no Estado, 4º maior do País, atrás apenas de São Paulo, Rio de Janeiro e Distrito Federal. Entre as cidades de maiores destinos estão Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Porto Alegre, Foz do Iguaçu, Maringá e Cascavel. A companhia ainda conta com voos regulares para Londrina.

Você terminou a leitura

Compartilhar essa notícia

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on print

Escrever um comentário

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.