Sonho vira realidade: Sai licitação de R$ 51 milhões para PR-092

Propostas podem ser encaminhadas com previsão de abertura dos envelopes no dia 3 de março; obras envolvem implantação de terceiras faixas ao longo de 17,5 quilômetros

 

O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná publicou nesta sexta-feira (29) a licitação da modernização da PR-092, entre Jaguariaíva, nos Campos Gerais, e Santo Antônio da Platina, no Norte Pioneiro. O valor máximo para a revitalização é de R$ 51.083.322,30. As obras envolvem a implantação de terceiras faixas ao longo de 17,5 quilômetros dos 127,1 quilômetros do trecho.

As propostas podem ser encaminhadas até o dia 2 de março, com previsão de abertura dos envelopes no dia 3 de março. Depois da assinatura do contrato, as obras devem durar 360 dias.

O projeto executivo foi viabilizado com recursos do Estado e as obras serão custeadas pelo programa Avança Paraná, originado a partir do financiamento de R$ 1,6 bilhão captado junto a um consórcio de bancos em 2020.

 

 

As intervenções estão no rol de Ampliação da Capacidade e Segurança da Rodovia e vão do início da PR-092, no km 200, em Jaguariaíva, até o entroncamento com a BR-153, no km 327, passando por Arapoti, Siqueira Campos, Quatiguá e Joaquim Távora. Esse trecho deve ingressar no Lote 2 da nova concessão dos pedágios, mas a melhoria antecipará a segurança para os usuários em alguns anos.

“Melhorar a PR-092 é um compromisso que temos com a região dos Campos Gerais e do Norte Pioneiro. É uma rodovia fundamental para a ligação com São Paulo e que será incluída na nova concessão rodoviária. Essa licitação, no entanto, ajuda a antecipar algumas melhorias, garantindo mais segurança e conforto para quem utiliza essa ligação”, afirmou o governador Carlos Massa Ratinho Junior.

Segundo o secretário de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex (os dois, na foto acima), uma das principais iniciativas da licitação é a garantia de mais segurança. De acordo com o termo de referência do edital, houve um aumento de 18,4% no número de acidentes entre os anos de 2016 a 2019 na região, em comparação com os quatro anos anteriores.

 

“Essa iniciativa de terceiras faixas, que contempla a PRC-280, a PR-323 e a PR-092, tem um objetivo claro, a redução de acidentes, principalmente aqueles com consequências fatais. Vamos incluir terceiras faixas nos pontos onde acontecem as ultrapassagens mais perigosas, ou seja, nos locais em que há inclinação da pista”, acrescentou Sandro Alex.

Além das terceiras faixas, as melhorias envolvem implantação de estrutura do pavimento com largura mínima de 3,25 m; novas soluções de reciclagem e pavimentação asfáltica; e pavimentação asfáltica em segmentos com acostamento não pavimentado. Também haverá adequação da sinalização horizontal, novos dispositivos auxiliares de segurança (tachas, tachões e outros), pinturas de faixa em alto-relevo, defensas e atenuadores de impacto e remoção de objetos na rota de colisão dos veículos.

LICITAÇÃO – O certame acontece em acordo com a Lei Nacional de Licitações (8.666/1993), em que o critério a ser avaliado nas propostas de preço é o menor valor oferecido, desde que atendidas as qualificações para habilitação técnica. Após a definição da empresa vencedora, o resultado será homologado pelos técnicos do DER-PR.

Você terminou a leitura

Compartilhar essa notícia

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on print

Escrever um comentário

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.