Projeto do Sicredi reaproveita roupas

“Ponto a Ponto” transforma uniformes antigos dos colaboradores em bonecas e roupas infantis

 

A Sicredi Norte Sul PR/SP lançou recentemente o Projeto Ponto a Ponto, que viabiliza a coleta, o reaproveitamento e o descarte adequado de peças de uniformes antigos dos colaboradores. Dessa maneira, camisas e camisetas que já não são mais usadas são transformadas por costureiras da comunidade em novas peças de roupas infantis, bonecas e bonecos de pano e também naninhas para bebês.

Funciona da seguinte maneira: a Área de Gestão de Pessoas da cooperativa solicitou que os colaboradores (mais de 300 ao todo), de suas 22 agências e Sede Administrativa enviassem os uniformes antigos para a Sede. Assim foi realizada uma triagem e separação do material para que pudessem ser transformadas e dar lugar a novas peças de roupas e brinquedos.

Segundo Veridiana de Moraes C. Patrial Burani, Gerente de Gestão de Pessoas da Norte Sul O Projeto Ponto a Ponto está baseado em três pilares, o da sustentabilidade, o desenvolvimento da comunidade local e o ciclo virtuoso: “Através desse Projeto teremos uma maneira correta de realizar o descarte de uniformes. Fizemos questão de que todas as peças fossem feitas por costureiras da comunidade e tudo que for produzido será doado para crianças dos municípios de nossa área de atuação”, explica ela.

A ideia é que o Projeto seja contínuo e aconteça todos os anos a medida em que as camisas dos colaboradores da cooperativa forem renovadas. Mais de 2 mil peças de roupas já foram arrecadas e transformadas. As primeiras entregas aconteceram nos municípios de Santo Antônio da Platina e Chavante/SP.

“É uma alegria imensa estar realizando a entrega do Projeto Ponto a Ponto para nossas comunidades. Essa é mais uma maneira de retribuirmos a confiança depositada em nossa cooperativa. Nosso desejo é que essa iniciativa ganhe cada vez mais força e sirva de inspiração também para outras instituições e empresas”, comenta o Diretor Executivo da Sicredi Norte Sul, Antônio Carlos Daineze.

Para se fazer uma camiseta são necessários 2.720 litros de água. Essa é a quantidade de água que bebemos em aproximadamente três anos. Além disso, mais de 80% dos resíduos têxteis que vão para os aterros poderiam ser reutilizados e 170 mil toneladas desses resíduos são descartadas anualmente no Brasil.

Você terminou a leitura

Compartilhar essa notícia

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on print

Escrever um comentário

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.