Programa fortalece empreendedores de Carlópolis

Implantado por meio de parceria Prefeitura/Sebrae visa ampliar participação em licitações

 

A prefeitura de Carlópolis e o Sebrae/PR estão implantando no município o programa Compras Locais/Cidade Cooperativa, que tem como grande objetivo aumentar a participação de empreendedores locais em processos licitatórios e, consequentemente, fortalecer empresas e a economia como um todo.

Hoje, o município já tem uma situação até um pouco acima da média regional com relação à participação de empresas locais nas licitações realizadas pela prefeitura, com cerca de 40% dos processos vencidos por negócios da própria cidade. Entretanto, a expectativa é não só de aumentar este percentual como de proporcionar que pequenos e médios empreendimentos passem a ser fornecedores e/ou prestadores de serviços.

A ideia é que negócios de menor porte, com conhecimento técnico para participar dos processos licitatórios através de cursos proporcionados pelo Sebrae/PR, possam vencer algumas das licitações e, com os valores garantidos através dos valores pagos pela prefeitura, tenham capacidade de se expandir.

Além disso, a projeção é que os valores investidos pela prefeitura em compras locais girando em internamente em maior quantidade do que acontece hoje gere um desenvolvimento de toda a economia de Carlópolis. Neste contexto, a expectativa é que realidade dos empreendimentos de forma geral passe por uma substancial melhora até em médio prazo.

“Com o lançamento do programa de Compras Locais o município de Carlópolis aumentará as compras de produtos e serviços junto aos pequenos negócios, contribuindo assim para retenção de riqueza local, geração de postos de trabalho e aumento da renda dos empreendedores”, avalia o secretário municipal de Indústria, Comércio, Turismo e Serviços de Carlópolis, Nilton José Teles.

Para o consultor do Sebrae/PR, Odemir Capello, a implantação do programa deve trazer importantes impactos positivos para o município. “Carlópolis já tem alguns serviços bem desenvolvidos pela questão do turismo, que é muito forte na cidade, mas também tem outros segmentos com campo para crescer, e se tornar fornecedor da prefeitura pode ser o primeiro para muitos empreendedores poderem ampliar seus negócios e gerar mais emprego e mais renda para o município. Com mais valores circulando internamente, sem dúvida que toda a economia se fortalece” (Reportagem: Aleixo Comunicação).

 

 

Você terminou a leitura

Compartilhar essa notícia

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on print

Categorias e tags

Escrever um comentário

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.