No Dia do Café, Romanelli destaca importância à NP

“O Paraná tem tradição no cultivo com um produto que ganha mercados mundo afora”

Nesta quinta-feira, 14, Dia Mundial do Café, o deputado Luiz Cláudio Romanelli (PSD) destacou a qualidade da produção cafeeira do Paraná, em especial do Norte Pioneiro. “O café é uma bebida que faz parte da vida do brasileiro. O Paraná tem tradição no cultivo com um produto que ganha mercados mundo afora”, disse.

“Destaco o Norte Pioneiro, uma região que mais vem ganhando prêmios nacionais e tem o registro de indicação geográfica do Inpi (Instituto Nacional de Propriedade Industrial). Vamos valorizar, pois é um produto de alta qualidade. Parabéns aos cafeicultores paranaenses!”, completou.

No Paraná, são entre 5 mil a 7 mil propriedades de café – 62% se concentram no Norte Pioneiro em 15 associações de produtores. “A região se destaca há muitos anos pela qualidade do café que produz. As categorias de cafés finos naturais e cafés especiais de cereja descascados estão se tornando cada vez mais competitivas perante os demais cafés classificados das outras regiões cafeeiras”, assinalou.

A capacitação dos cafeicultores nas tecnologias de produção, o aumento da produtividade e a obtenção de mais cafés maduros, além do uso da mecanização visando baratear os custos de produção, tornarão o café do Norte Pioneiro ainda mais competitivo e melhorarão sua qualidade”, acrescentou.

Mulheres – Romanelli lembrou que n ano passado, a Assembleia Legislativa homenageou a Associação das Mulheres do Café do Norte Pioneiro. Desde 2013, a associação integra o projeto de capacitação na produção de cafés especiais. São 250 famílias, chefiadas por mulheres, que exportam a produção para o Chile, Japão, EUA e países europeus.
“Acompanho o trabalho realizado pela associação em 11 municípios do Norte Pioneiro. A região já foi um grande maciço de cafezais e agora com as mudanças climáticas, a produção se deslocou para um café de qualidade”, disse.

Romanelli afirmou que a qualidade do solo da região, um dos melhores do mundo, evidencia ainda o trabalho dedicado dos produtores. “São basicamente pequenos cafeicultores, que trabalham em áreas de cinco a seis hectares e que precisam de assistência técnica, pesquisa, crédito rural e equipamentos para colheita para que o café do Norte Pioneiro seja cada vez mais reconhecido – nacionalmente e internacionalmente”, afirmou.

O prefeito de Carlópolis, Hiroshi Kubo (PSD), cumprimentou todos os segmentos envolvidos na cadeia produtiva do café que vai até a exportação. “Carlópolis é referência estadual pela qualidade e tecnologia empregados na produção de café”.

“Cumprimentamos a todos que preparam o cafezinho nas cafeterias, padarias, restaurantes, nas conveniências, postos das estradas. Cumprimentamos os produtores de café pelo seu trabalho determinado que melhora a cada ano a produtividade e a qualidade do nosso café. Carlópolis já é o maior município na produção de café do Paraná, gerando riquezas, empregos e renda.”, completou.

Você terminou a leitura
Compartilhar essa notícia
Categorias e tags
Escrever um comentário

Últimas notícias

JEPs: Novas etapas em Wenceslau Braz e Pinhal começam hoje
6 horas atrás

Competições reúnem 17.751 inscritos, entre alunos e professores, de 183 municípios paranaenses Começa nesta quinta-feira

PRE e SEST/SENAT fazem Bliz Educativa
7 horas atrás

Ação da PRE e do SEST/SENAT Nesta quarta-feira, dia 25, a Unidade Operacional da PRE

Liminar reaviva a polêmica sobre o presídio em Pinhal
8 horas atrás

Decisão provisória do TJ suspendeu possível obra A polêmica prossegue. Agora, o Tribunal de Justiça

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.