Jacarezinho também sediará audiência do pedágio; igreja do NP apoia mobilização

Presidente da Frente Parlamentar diz que a data do evento será definida na terça-feira

Exclusivo: O presidente da Frente Parlamentar do Pedágio, deputado Arilson Chiorato (foto principal), que também preside o PT do Paraná, informou ao npdiario – por telefone – na noite desta sexta-feira, dia 12, que Jacarezinho sediará uma das audiências públicas que estão debatendo a questão em todo estado.

Ele antecipou, depois da audiência promovida ontem em Cornélio Procópio, que a cidade escolhida foi Jacarezinho, e não Santo Antônio da Platina (como chegou a ser cogitado), porque o município terá duas praças de pedágio, “se depender da vontade do governo federal, uma no sentido de Ourinhos(SP) e outra no trecho entre Santo Antônio; como estão previstas também praças em Jataizinho, Siqueira Campos e Sengés, serão cinco ao todo na região”, afirmou.

Na reunião da próxima terça-feira, dia 16, da Frente, na Assembleia Legislativa, será definida a data. Inicialmente seria 24 de fevereiro, mas pode mudar para 11 de março. O horário já está marcado para as nove horas.

Participaram representantes de vários segmentos, além do líder do governo na Alep, Hussein Bakri (PSD), o primeiro-secretário, deputado Luiz Cláudio Romanelli, deputados Cobra Repórter (PSD), Tercílio Turini (CDN), Evandro Araújo (PSC), Requião Filho(MDB), entre outros,

Na região, atualmente,  em Jataizinho, o valor é de R$ 26,40 para automóveis;  Jacarezinho, onde há duas praças tidas irregulares, o valor cobrado é de R$ 24,40 e em Sertaneja, R$ 22,70.

As próximas cidades (além de Jacarezinho) a receber as audiências serão: Guarapuava (18/2), Francisco Beltrão (19/2), Maringá (25/2), Apucarana (26/2), Curitiba (4/3) e Ponta Grossa (5/3).

 

O advogado platinense Jéfoni Nogari,  representou a igreja católica do Norte Pioneiro, em nome dos bispos de Jacarezinho, Dom Antônio Braz Benevente e de Cornélio Procópio, Dom Manoel João Francisco.

Jéfoni, que estava acompanhado dos padres Donizete da Silva, reitor do Santuário Divino Espírito Santo, de Ribeirão do Pinhal, Rosinei Tonietti, Reitor do Santuário São Miguel Arcanjo, Rodolfo Chagas Pinto, Reitor do Santuário Santa Terezinha do Menino Jesus, ambos de Bandeirantes, Leu o seguinte discurso:

 

 

 

Você terminou a leitura

Compartilhar essa notícia

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on print

Escrever um comentário

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.