Passageiro de ônibus é preso em Jacarezinho

Ação conjunta hoje entre as polícias militar e civil

Na madrugada desta segunda-feira, dia dez,  uma mulher de 27 anos pediu para o motorista de um ônibus de viagem acionar a polícia pois estaria sendo assediada por um passageiro vizinho. O coletivo saiu de Cascavel/PR e tinha como destino São Paulo/SP.

Segundo a vítima, o passageiro ao lado, por cerca de 40 minutos, ficou passando a mão em sua perna e em dado momento pegou em sua mão e a puxou para o seu lado, ocasião em que a moça se levantou e pediu socorro ao motorista.

O ônibus parou na cidade de Ourinhos/SP, em um posto da Polícia Militar paulista e o caso foi em seguida apresentado na Delegacia de Polícia Civil de Jacarezinho em razão dos fatos terem ocorrido na parte da BR-153 que passa por esta cidade paranaense. Os PMs relataram que a vítima estava nervosa e chorava muito. Também apresentou prints de conversas no WhatsApp nas quais ela relatava o que ocorria para um amigo, o qual sugeriu que fosse acionada a polícia.

O suspeito, homem de 28 anos, negou as acusações e alegou que estaria dormindo , justificando que estava passando mal e teria ido ao banheiro pouco antes da mulher sair para falar com o condutor.

O delegado de plantão, o platinense Rafaek Guimarães, deu voz de prisão em flagrante pela prática do crime de importunação sexual, previsto no artigo 215-A do Código Penal, cuja pena é de reclusão de um a cinco anos e o caso encaminhado ao Poder Judiciário.

Você terminou a leitura

Compartilhar essa notícia

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on print

Escrever um comentário

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.