MP denuncia pai e filho por homicídio em Jacarezinho

Os dois mataram rapaz de apenas 22 anos por motivação infame

O Ministério Público denunciou por homicídio duplamente qualificado duas pessoas investigadas pela morte de um jovem que ouvia música e conversava com amigos na rua Rita Fernandes Vieira, bairro Alto da Boa Vista II, quando dois moradores da vizinhança procuraram o grupo para se queixar do som que estaria alto e incomodando, em Jacarezinho.

A indisposição se transformou em briga física e a vítima acabou recebendo os disparos. Há duas versões, uma que teria sido do filho e outra do pai. Os dois fugiram.

A morte foi no local em poucos minutos.

Atenderam a ocorrência o corpo de bombeiros, Polícias Militar e Civil e Instituto Médico Legal.

Ele estudou no Instituto Federal (Técnico em Alimentos)  de Jacarezinho e depois Ciências Econômicas na UENP(Universidade Estadual do Norte do Paraná) em Cornélio Procópio.

Gostava de jogar pôquer e futebol e era muito querido pelos colegas e familiares.

O homicídio ocorreu no dia 19 de março deste ano em Jacarezinho. A vítima foi morta por um disparo de arma de fogo que a atingiu pelas costas após discussão motivada por volume de música. Os denunciados são pai e filho.

Conforme a denúncia, oferecida pela 3ª Promotoria de Justiça da comarca, a vítima estava com amigos ouvindo música no  quando um dos denunciados, que é policial rodoviário, saiu de sua residência, localizada nas proximidades, e foi ao encontro do grupo, iniciando-se uma discussão motivada pelo barulho causado pela canção.

Durante a discussão, o policial teria pedido a seu filho que buscasse sua arma de fogo funcional, no que foi atendido. O mais velho teria agredido com um soco a vítima, que revidou. Ao retornar ao local da discussão, o filho teria efetuado o disparo que atingiu a vítima pelas costas, causando sua morte ainda no local.

Na denúncia, o MPPR sustenta como qualificadoras do homicídio o motivo fútil e o uso de recurso que dificultou a defesa da vítima, além do crime de disparo de arma de fogo. Como praticaram os atos em conjunto, ambos, pai e filho, foram denunciados pelos mesmos crimes.

Processo número: 0001388-45.2022.8.16.0098.

Leia também a matéria sobre o sepultamento do corpo do rapaz:

https://www.npdiario.com.br/cidades/assassinado-jovem-de-22-anos-em-jacarezinho/

Você terminou a leitura
Compartilhar essa notícia
Escrever um comentário

Últimas notícias

Carlópolis: dupla mata mulher na zona rural
12 de agosto de 2022

Depois PMs interceptaram os dois em Santo Antônio da Platina Dois bandidos renderam e agrediram

Show de Álvaro e Daniel em Siqueira
11 de agosto de 2022

Tempo da Graça Em Siqueira Campos ocorrerá evento religioso no Rincão Sorriso, no dia 07

Pilotos Pro Tork em rodada dupla no Sportbay/Motocross
11 de agosto de 2022

Quinta e sexta etapas da temporada acontecem na cidade de Morrinhos (GO) O Campeonato Sportbay

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.