E o Presidente da Amunorpi continua estático

A eleição para renovar a diretoria da Associação dos Municípios do Norte Pioneiro deveria ter sido realizada, como em todos os anos, no mês de novembro.Por conta da crise que atinge a principal entidade política da região, nada foi feito.O ainda presidente, Taidinho Santos(PSB) não toma nenhuma atitude para conciliar uma chapa única consensual para tratar de resolver os problemas.
Enquanto isso, a maioria dos colegas prefeitos segue tratando o prefeito de Wenceslau Braz com indulgência.A esperança é que, despojado de vaidades, coordene uma ação conjunta visando a pacificação.Mas, ele não parece convencido de que tem competência.Mudou sua postura pública, antes altaneira e disposta, para uma mais do que discreta, apagada.
O fato pode ser percebido por poucos durante o evento que o governador Beto Richa participou nesta quinta-feira (28), em Jacarezinho, quando do lançamento da pedra fundamental das obras do novo campus e da clínica de Odontologia da Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP).
Participaram deputados,prefeitos,havia Imprensa de toda a região…Porém, o antes serelepe político que passeava entre os presentes aos eventos públicos, permaneceu extremamente quieto, num canto, isolado.Não discursou e não sorriu.Ninguém viu quando chegou nem quando saiu.
O secretário estadual de Segurança,Wagner Mesquita,falava sobre crimes e Arnaldo Alves,fotógrafo da Agência Estadual de Notícias, registrou uma imagem sintomática: Taidinho ao fundo,aparentando estar entediado, desconfortável e enfezado.
Até quando a situação ficará como está ,insolúvel,apenas ele poderá dizer.Falta o que o Ministério Público recomendou desde o início: Transparência.

Você terminou a leitura

Compartilhar essa notícia

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on print

Escrever um comentário

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.