Valdir do Foto está tranquilo para cateterismo

Ex-presidente da Câmara de Vereadores de Santo Antônio da Platina será submetido ao procedimento

Valdir Domingos de Souza (foto), 63 anos, o Valdir do Foto, conversou com o Npdiario no início da noite desta terça-feira, dia oito. Ele sentiu-se mal, recebeu atendimento médico em Santo Antônio da Platina e será submetido a um cateterismo no Honpar (Hospital Norte do Paraná, antigo João de Freitas) onde chegou ontem. Ele disse que ainda não sabe a hora nem o dia do procedimento, mas provavelmente hoje.

Tem problema cardíaco, porém permanece estável e agradece as orações que estão sendo feitas.

É um procedimento médico em que um tubo de plástico, denominado cateter, é inserido em um vaso sanguíneo, órgão ou cavidade corporal com o objetivo de facilitar a passagem de sangue ou outros fluidos. É realizado de acordo com as condições clínicas do paciente, podendo ser feito no coração, bexiga, umbigo e estômago. O tipo de cateterismo mais frequentemente realizado é o cateterismo cardíaco, que é realizado para auxiliar o diagnóstico e o tratamento de doenças do coração.

Assim como qualquer outro procedimento médico invasivo, o cateterismo apresenta riscos, que variam de acordo com o local da colocação do tubo. Por isso, é importante que a pessoa seja acompanhada por uma equipe de enfermagem com o objetivo de evitar quaisquer complicações, que é o que está sendo feito. A anestesia é local, informou o médico Jorge Garrido, ex-presidente da Sociedade Paranaense de Cardiologia e que já atendeu Valdir outras ocasiões, detalhando que tem algumas alterações de pressão arterial.

Aos 63 anos, Valdir  é a maior referência em imagem no Norte Pioneiro e uma das principais do Paraná. Mas, não foi fácil. Em 1972, o pai faleceu e o menino ganhou o mundo, residindo em Tarumã(SP),Amambaí(MS),Ourinhos(SP),Bandeirantes…Trabalhando como podia até mesmo vendendo tecido para índios.

E, em Santo Antônio da Platina, trabalhou no antigo Bar Liz e Foto Sagae, onde fazia faxina, atendia balcão, lanches e tinha um lugar seguro para dormir.
Paulatinamente, foi aprendendo os segredos da fotografia, instalou sua empresa no Calçadão(rua Marechal Deodoro), em Santo Antônio da Platina, foi eleito vereador quatro vezes e presidente da câmara três.
Ficou viúvo de Marcília em dezembro de 1997,um dos maiores traumas de sua vida.
Foi presidente do Clube Platinense com gestões admiráveis.
Prestou serviços para jornais, polícia, entidade beneficentes, e durante vários anos teve como maior faturamento os vídeos e fotografias de casamentos de toda a região. O “Foto Valdir”  mudou de “proprietário”, mas Vavá continua querido como sempre. A reportagem vai acompanhar o caso.
Mantém como esteio, além da fé religiosa, os amigos e familiares, os filhos Geruza e João Pedro, os netos Davi, Danielzinho e Ana Laura. É sogro de Daniel Wesley Vilas Bôas Rocha, ex-chefe de gabinete do governador Carlos Massa Ratinho Junior e atualmente Superintendente de Assuntos Institucionais,

Você terminou a leitura
Compartilhar essa notícia
Categorias e tags
Escrever um comentário

Últimas notícias

Conheça mais cursos ofertados pela Unopar
7 horas atrás

Opções para todos os gostos e vocações; confira ADMINISTRAÇÃO UNOPAR 🎓 ☑️ Sobre o curso

Goiaba: exportações de Carlópolis crescem 1.142% em dois anos
7 horas atrás

Inglaterra, Portugal, Canadá e Oriente Médio são principais destinos No primeiro semestre de 2022, os

Jacarezinho sedia evento de Tribunal
8 horas atrás

Na próxima terça-feira no campus da UENP A Escola de Gestão Pública do Tribunal de

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.