Sanepar alerta sobre proibição de eliminadores de ar

Companhia afirma que existem riscos de contaminação

Os moradores da cidade de Santo Antônio da Platina estão sendo abordados por vendedores de um equipamento que promete reduzir a conta de água. A sanepar alerta, porém, que é proibido por lei instalar qualquer equipamento na ligação de água, ramal predial, cavalete e hidrômetro. A restrição diz respeito à possibilidade de contaminação da água distribuída e o consequente risco à saúde da população.
Os decretos estaduais n. 3926/1988 e 953/2007 autorizam somente a concessionária a instalar equipamentos eliminadores de ar na rede de distribuição global, o que impede a ação de terceiros já que a operação das redes públicas de abastecimento é exclusiva da Sanepar.
Em casos de interrupção no abastecimento, para a realização de manutenção ou obra de melhoria da rede de água, a própria Sanepar se encarrega de retirar do ar por mecanismos instalados ao longo das tubulações. O sistema de abastecimento é projetado prevendo-se paradas programadas e emergenciais. Neste caso, a rede de distribuição é operada de forma a retirar o ar que pode entrar na tubulação entre o momento em que se desliga o bombeamento e a retomada da distribuição de água. “Todo este processo é controlado para garantir a qualidade e equilibrar a pressão na rede”, explica o gerente regional da Sanepar em Santo Antônio da Platina, Juarez Wolz.
REPROVADO – Nos testes em laboratórios e em situações reais, a quantidade de ar que passou pelo hidrômetro é tão pequena que não representou diferença de consumo.
Foi comprovado que os eliminadores de ar comercializados no mercado são ineficazes para a função que prometem cumprir. O Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) não certificou nenhum modelo ou marca de eliminadores de ar até o momento. Por determinação legal, “qualquer dispositivo adicional, projetado para ser instalado junto ao hidrômetro, deverá ser aprovado pelo Inmetro, com vistas a verificação de interferência no funcionamento do medidor”, conforme Portaria 246 do órgão.MAIS INFORMAÇÕES – Em caso de dúvida, o cliente deve acessar o link direto do site da Sanepar, no www.sanepar.com.br/informacoes/eliminadores-de-ar, que contém as principais dúvidas dos consumidores. Caso seja abordado por vendedores de equipamentos para a instalação na ligação de água, deve ligar para a Central de Relacionamento Sanepar, no 0800 200 0115, que funciona, de forma gratuita, 24 horas por dia, inclusive nos fins de semana e feriados.

Você terminou a leitura
Compartilhar essa notícia
Categorias e tags
Escrever um comentário

Últimas notícias

‘Gaudêncio Energia Solar’ está na Efapi
1 hora atrás

Especialistas em energia solar fotovoltaica, fundada em 2015, empresa é  referência no Norte Pioneiro e

Frustrada tentativa de roubo em Joaquim Távora (veja o vídeo)
2 horas atrás

Platinense foi preso pela PM na sequência https://youtu.be/yllfxFdA_YM?t=4   Exclusivo: Uma frustrada tentativa de roubo

Casa do Artesão está na 50ª EFAPI (vídeo)
2 horas atrás

A Casa do Artesão Platinense é o centro de referência do artesanato municipal e um

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.