Mulher mata marido por suposta traição conjugal

Em Ribeirão do Pinhal

Uma mulher descobriu que o marido estaria cometendo traição na noite desta quarta-feira, dia sete, em Ribeirão do Pinhal.A lavradora, que tem 31 anos, esperou o companheiro, também trabalhador rural, chegar em casa e, após discussão, ela deu uma estocada no pescoço do homem. O SAMU(Serviço de Atendimento Médico de Urgência) atendeu e o levou até o hospital. Teria sido liberado depois de receber pontos no local da facada, mas na sequência agonizou e morreu. O crime aconteceu por volta das 23h30m na Vila Domingues.
A autora, que tem passagem por desacato, foi encarcerada em flagrante no início da madrugada desta quinta-feira, dia oito,e a prisão homologada pela Justiça já pela manhã.
A faca foi encontrada pela Polícia Civil num terreno (foto) perto da residência dos dois.
A vítima, de 48 anos, foi levada pelo Instituto Médico Legal de Jacarezinho para necrópsia e os peritos descobrirão a causa mortis, porém é bastante provável que tenha sido por hemorragia interna.

A assassina preferiu não prestar nenhum esclarecimento e permaneceu calada.
O delegado da 38ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Santo Antônio da Platina, Rafael Pereira Gabardo Guimarães, é quem abriu o inquérito do crime passional porque o delegado titular de Ribeirão do Pinhal, Tristão Borborema, está em férias e licença.

Você terminou a leitura

Compartilhar essa notícia

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on print

Escrever um comentário

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.