PM prende bandido que agrediu idosas

Na manhã desta quarta-feira, dia dez, a Polícia Militar prendeu Israel Batista Leite (fotos sem camisa), em Santo Antônio da Platina.
Israel e o seu comparsa, Deivide Barbosa da Silva(foto), invadiram uma residência na tarde de terça-feira na rua Juvenal Ribeiro da Rosa, roubaram, ameaçaram e agrediram duas mulheres(Maria Ribeiro de Campos e Marilene Ribeiro Caldi) com um espeto de churrasco. Eles levaram R$ 300, joias, um celular, um frasco de sabonete liquido e um controle remoto do portão de entrada da casa. Uma das vítimas ficou com lesões no pulso e no rosto.
Após informações de que um indivíduo com as características de Israel estava na rodoviária vestindo camiseta preta, bermuda azul, os PMs se deslocaram ao local.
Em averiguação na rodoviária, viram nas proximidades de uma tapeçaria um rapaz com as características repassadas, sendo que, ao avistar a equipe empreendeu fuga sentido  Colégio Casucha. Ao chegar próximo ao estabelecimento de ensino, o ladrão desceu por um barranco saindo em sentido à rodovia BR-153 e, posteriormente, entrou no pasto entre o SESI e o Hospital Regional do Norte Pioneiro.
As equipes da rádio-patrulha e Reservado fizeram cerco e acompanhamento tático do elemento que, após atravessar o rio, continuou pelo pasto que fica ao lado do hospital,sendo que ao avistar os policiais entrou o terreno da AVM (Associação da Vila Militar) que fica no bairro Santa Crescência. O terreno foi cercado e o indivíduo abordado e identificado.
Indagado, informou a PM que empreendeu fuga, pois nesta terça-feira, dia nove, juntamente com um cúmplice, havia entrado na residência e,quando a moradora e a colega viram os dois, foi agredida.

O marginal, de 21 anos, continuou a relatar à equipe que o dinheiro do assalto – por volta de R$ 300 – se encontrava com o parceiro de crime “Deivide” e que as joias e bijuterias se encontravam na residência de um amigo. Afirmou ainda que “Tome” nada sabia sobre o roubo e que somente fez um favor e que a bolsa contendo documentos, carteira e vidro de perfume foram deixados sobre uma pedra no ribeirão Boi Pintado próximo ao pontilhão atrás da Upe Clube de Campo.
De posse dessas informações a equipe se dirigiu juntamente com Israel a residência de “Tome” que ao ser questionado sobre objetos deixado em sua residência por Israel, o mesmo entregou uma caixinha branca contendo várias joias e bijuterias e relatou não saber a procedência dos objetos e que somente fez um favor ao amigo e se prontificou a acompanhar a PM até a delegacia de polícia para prestar esclarecimentos.
Em continuidade os policiais se deslocaram a encosta do ribeirão Boi Pintado onde localizaram uma bolsa contendo documentos sobre uma pedra.
O ladrão não soube informar o paradeiro do seu comparsa Deivide, somente que ele às vezes fica na casa da irmã, moradora da Vila Setti. Diante dos fatos, a PM se deslocou até a residência dela, a qual informou desconhecer o paradeiro do irmão.Ele é de Guapirama,tem 18 anos e não tem nem mesmo o ensino fundamental.Está foragido.
A PM entrou em contato com a vítima do roubo, a qual reconheceu os objetos roubados. Logo após, foram encaminhado à delegacia de policia civil Israel Batista Leite e Dayson Mendes Campos, acusado de receptação, juntamente com os objetos e documentos para serem tomadas as devidas providências.
Uma das vítimas do roubo, Marilene Ribeiro Caldi, entregou a Polícia Militar um espeto de ferro que se encontrava jogado no quintal.

Você terminou a leitura

Compartilhar essa notícia

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on print

Escrever um comentário

Pesquisar

Digite abaixo o que deseja encontrar e clique em pesquisar.